Minha criança interior se Chama Jon Favreau

Você deve conhecê-lo por seu personagens mais atual e popular, Happy Hogan, “segurança” de Tony Stark (LUTO 3000 vezes). Mas esse cara é o que pode se chamar de Nerd Raiz. Jon Favreau não apenas dirigiu os dois primeiros Homem de Ferro, como dirigiu Jungle Book (onde se pode ler uma matéria incrível do Shaq aqui) e está no mesmo cargo em O Rei Leão e O Mandaloriano. Parece que a Disney gosta muito desse cara, pois deixa ele mexer nas principais pérolas de seu grandioso reino, Marvel, Star Wars e o Live Action de suas animações.

 

Jonatha Kolia Favreau nasceu em Outubro de 66, mas está muito bem preservado com suas quase sete décadas nas costas. Ele é ator, diretor, escritor e arranha um pouco na criação de algumas trilhas sonoras de suas produções. É impossível falarmos de um de seus ofícios sem falarmos do outro, pois quando lhe colocam um trabalho ele entra de corpo e alma. Produz, dirige, atua… o que for preciso fazer, ele fará com prazer, até porque, não temos muitos trabalhos com baixa qualidade vindos dele e de seus contratantes.

View this post on Instagram

#starwars #TheMandalorian

A post shared by Jon Favreau (@jonfavreau) on

Seu primeiro papel foi como figurante do filme Hofa – Um homem, Uma lenda , seu nome nem aparece nos créditos e, mesmo que aparecesse, seria ofuscado com nomes de peso como Jack Nicholson e Deni DeVito. Após pequenos papéis em filmes B, Favreau fez uma participação em um episódio da sexta temporada de Seinfeld, em 94 e foi aí que sua jornada nerd teve início.

Em 1996, a Miramax e a Lionsgate aprovaram o roteiro e aceitaram a condição de que o papel do protagonista fosse de Jon, no filme Swingers – Curtindo a Noite, que conta a história de um comediante em decadência (profissional e amorosa) que se muda de Nova Iorque para Los Angeles para tentar se reerguer mas acaba encontrando ainda mais confusões com os personagens de Vinci Vaughn e Heather Graham.

E em 1997, finalmente recebeu o reconhecimento do público e das produtoras, quando participou como Pete Becker, na MARAVILHOSA, FANTÁSTICA E PRECISAMOS FAZER UM PODGEEKCAST SOBRE série F.R.I.E.N.D.S. ♫I’ll bee there for you…♪

Resultado de imagem para jon favreau friends gif

Sua participação foi de apenas seis episódios na terceira temporada, mas isso já abriu as portas para que Favreau pudesse atuar em pelo menos um filme por ano. Até que em 2001 é lançado Made, uma produção escrita, dirigida e protagonizada por Jon. Novamente, ele trouxe o amigo Vince Vaughn para contracenar em sua obra.

 

Dentre todos os filmes que trabalhou no início dos anos 2000, os principais foram:

  • Atuou como ele mesmo em The Sopranos, em 2001;
  • Dirigiu Elf – Um Duende em Nova Iorque, em 2003;
  • Foi Foggy Nelson em Demolidor – O Homem sem Medo (aposto que você não lembrava desse), em 2003;
  • Dirigiu tambem Zathura – Uma Aventura Espacial, em 2005.

 

A partir daqui, ele vestiu a roupa toda de Nerd, fazendo produções de aventura, ficção científica e, após Iron Man de 2008, a Disney deu quase que carta branca para ele poder mexer em cada uma de suas pedras preciosas.

Dentre todos os filmes que trabalhou, a partir de 2008, os principais foram:

  • Dirigiu e atuou como Happy Holgan, em Iron man 1 e 2, (2008 e 2010);
  • Contracenou com DiCaprio, fazendo o advogado Manny Rinskin, em The Wall Street Wolf, em 2013;
  • Escreveu, dirigiu e protagonizou um Chef de cozinha em Chef, em 2014;
  • Continuou com Happy em todos os outros filmes em que o personagem aparece no MCU;
  • Dirigiu o maravilhoso Jungle Book ou, Mogli – O Menino Lobo (que você pode ver a opinião do Shaq clicando aqui), em 2016;
  • Fez a voz de Rio Duran, em Solo – Uma Aventura Star Wars;
  • Também está produzindo de The Mandalorian, uma série que explora ainda mais o universo de Star Wars e traz como protagonista, um mercenário de Mandalore, mesmo planeta de Jango Fett (o original de onde surgiu o clone Boba Fett). A data de estreia é de novembro de 2019.

Imagem relacionada

Resumindo a história, em todos os universos do cinema que sempre quis fazer parte, Jon Favreau esteve lá e, quando vejo ele em cena, além de sempre lembrar do eterno namorado rico da Mônica, que a leva para comer uma legítima pizza italiana… na Itália, penso em como esse cara têm a sorte de poder tocar em cada joia do infinito da manopla do Mickey, ser o melhor amigo do Homem de Ferro e fazer duas, das grandes animações, crescerem junto com quem as acompanhou quando criança, Mogli e, agora, REI LEÃO, que hoje, 15/06/2019 faz exatos 25 anos da estreia desta incrível animação.

Eu só tenho a agradecer pelo carinho e dedicação que esse grande ator, escritor, músico, diretor e produtor têm para com os Nerds “noventistas”…. agora, só falta saber quais são suas reais intenções nos proximos trabalhos, O Mandaloriano de Star Wars, sua participação em Homem Aranha Longe de Casa, da Marvel e (estamos de olho, Sr. Favreau, vê se não faz merda com tanta responsabilidade nas mãos) o live action de O Rei Leão.

Imagem relacionada
Elenco de dublagem de O Rei Leão, estreia em 18 de Julho de 2019.

Rafael Peregrino

Musica, filmes e livros me definem. Violão, café, papel e caneta me descrevem. Me fale um assunto e sempre terei algo a dizer. Fazer as pessoas rirem é o motivo da minha alegria